6 passos para orquestrar um feedback ao gestor

É comum encontrarmos muitas orientações sobre como dar feedbacks em equipes e determinados colaboradores que andam falhando no cumprimento de metas. Mas, e quando a necessidade de oferecer feedback parte da equipe ou do colaborador para com o seu gestor? Nem sempre os líderes estão de braços abertos para acolher críticas ou sugestões de melhoria. Por isso, é preciso estratégias para sugerir um momento como esse, e claro, somente funcionará se existir uma relação de respeito entre as partes.

feedback-help-professional-development

Confira seis passos para orquestrar um feedback ao gestor.

1. Informe ao seu gestor que deseja reservar um horário e dia para conversar com ele. É sempre importante agendar um horário para feedback, seja da sua parte para com o gestor ou vice e versa. Essa atitude gera uma imagem de seriedade e responsabilidade com o que se está proposto fazer.

2. Sugira um local onde não seja possível interferência. Se a sala do gestor é daquelas que parece não ter porta, é importante conversar em um ambiente como sala de reunião e evitar o uso do celular no momento da conversa.

3. Reforce a sua intenção positiva. É importante deixar claro para o gestor que você está diante dele com a melhor das intenções, por isso, sugira que ele acolha de maneira positiva tudo o que você tem a falar.

4. Seja verdadeiro e coerente. Revele suas satisfações com a gestão e empresa que trabalha. Mostre que você é coerente em suas ideias.

Feedbackimage (1)

*5. Tenha argumentos para as insatisfações.  *Agora é o momento! Revele, de modo sábio, suas insatisfações com condutas ou decisões de seu gestor que você percebeu falhas. Argumente seus comentários com exemplos reais. Não permita que esse momento seja apenas um monólogo. Apresente soluções e escute o que o seu gestor tem a dizer sobre todas as suas colocações.

*6. Finalize a conversa com aprendizados.  *Após mergulhar nas satisfações e insatisfações, sugira o encerramento da conversa, se colocando à disposição para ajudar no processo de melhoria de seu gestor e caso ele tenha alguma contribuição a fazer sobre a conversa, acolha sem arrogância e considere o que lhe fará crescer.

Por Elidiane Melo