Alongamento: flexibilidade, amplitude de movimento e prevenção de lesões

iStock_000010318196XSmall-thumb-500x749-32667A flexibilidade é uma habilidade extremamente importante para o ser humano. Quando a pessoa aumenta a flexibilidade, seus movimentos ficam mais amplos e também aumenta sua mobilidade. Mas para que isso aconteça é necessário um treinamento baseado em alongamentos.

Existe dois tipos de alongamentos: estáticos e dinâmicos.

Os estáticos (sem movimento) são os alongamentos mais tradicionais onde cada grupamento muscular é estirado isoladamente sem movimento (isometria) durante um tempo determinado.

Já o dinâmico, (com movimento) como o nome diz se baseia na movimentação das articulações com a intenção não somente de alongar, mas também aquecer preparando o corpo para o movimento.

Quando devo alongar??
Existem diversas contradições quando o assunto é executar alongamentos antes e depois de algum exercício de força ou corrida. Alguns estudos dizem que alongar-se antes do treino não melhora a performance e, pelo contrário, pode até reduzi-la já que o estiramento do músculo causa perda na força. Já depois de um treinamento intenso, o alongamento pode aumentar o risco de lesão, porque os músculos estão acometidos de micro traumas e intensificaria esses danos.

FlexibilityMissingtheStretchMas se você gosta de se alongar antes e depois de praticar atividades físicas, e se sente confortável, pode fazê-lo desde que em uma amplitude e tempo menores para evitar lesões musculares e articulares.

O melhor é executar alongamentos mais intensos para aumentar a flexibilidade isoladamente, primeiramente realizando um aquecimento articular (alongamentos dinâmicos) para depois intensificar a amplitude do estiramento muscular.

307371-old-people-doing-stretches

Alongar-se no momento certo e periodicamente, ajuda a aumentar a flexibilidade e amplitude de movimentos, prevenir lesões e assim, melhorar a qualidade de vida.

Bons treinos e até a próxima!

Abraços pessoal!