Como tirar melhor proveito de sua Câmera

Minhas saudações a todos os interessados em Fotografia.

No artigo anterior vimos como classificar nossa câmera ou como escolher uma, aquele que não a possui. Caso tenhamos uma Compacta Automática ou queiramos adquirir uma, neste artigo tentaremos auxiliar ao fotógrafo amador para que possa tirar o maior proveito dela. Façamos antes de nada um comentário importante: A melhor* câmera fotográfica* é aquela que nós podemos pagar sem muito esforço e faz aquilo que necessitamos. Digo isto porque muitas vezes as pessoas acham que irão tirar fotos espetaculares somente com câmeras caras e isto não é verdadeiro. Nossa câmera é uma compacta de bolso e não nos permite fazer ajustes? Como consigo tirar maior proveito dela? As respostas são várias, mas, todas elas estão relacionadas ao modo como a câmera faz para conseguir uma Imagem.

Toda câmera combina três elementos para fazer uma foto. *Estes elementos são *Diafragma, Obturador e Sensibilidade (ISO), que, auxiliados pelo Fotômetro (elemento que mede a luz) permite a combinação mais correta para que a nossa foto não fique nem muito clara (superexposta) ou muito escura (subexposta).

[![Diafragma](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Diafragma-300x104.jpg)](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Diafragma.jpg)Diafragma
O **Diafragma** (foto acima) controla a Quantidade de luz que vai entrar, o **Obturador** também conhecido como **Velocidade de Obturação** ou **Tempo de Exposição** (foto abaixo) controla o Tempo que esta Luz vai permanecer sensibilizando nosso CCD ou CMOS (filme digital) (foto 3) abrindo e fechando a cortina de forma mais lenta ou mais rápida, o **ISO** aumenta ou diminui a **sensibilidade a luz refletida** do assunto ou a Luz Ambiente conforme o dia estiver mais ensolarado ou mais nublado, ou em caso de estarmos fotografando dentro de um ambiente fechado e o **Fotômetro** mede esta Luz, seja refletida ou incidente e determina qual será a combinação correta entre a **velocidade de obturação** e a **abertura do diafragma**.
[![Obturador](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Curso022-300x250.jpg "Obturador")](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Curso022.jpg)Obturador
[![CCD](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/ccd1-300x229.jpg "CCD")](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/ccd1.jpg)CCD
Como a **câmera** não consegue saber se estamos querendo fotografar algo em movimento, ou se desejamos desfocar o fundo, ou deixar tudo muito nítido ou fazer um contra luz onde de nosso assunto principal apenas ficará a silhueta, ou se estamos fazendo um retrato, as **câmeras** possuem um Menu de **Modo de Cena**. Neste Menu teremos algo como Retrato, Por do Sol, Esporte, Fogo de Artifício, Paisagem, etc. Conforme for o tipo de Cena que nós escolhemos, o **Fotômetro** mede a Luz e escolhe se vai combinar uma **Velocidade de Obturação** Alta com uma **Abertura de Diafragma** Pequena ou uma **Velocidade de Obturação** Lenta com uma **Abertura de Diafragma** Maior, ou uma Velocidade e Abertura média e qual a Sensibilidade ISO que usará; além de decidir se vai ou não fazer uso do **Flash**. Nós devemos sempre auxiliar a **câmera** mostrando a ela o que queremos e ela então nos retribui com **imagens** as mais corretas possíveis. Nunca uma **câmera** poderá capturar uma boa imagem se nós não fazemos a configuração certa. Uma **foto** bem iluminada sempre necessita de um **Flash**, tanto de Dia quanto á Noite, principalmente se temos nosso assunto com muita luz atrás dele. A falta do uso do **flash** deixará nosso assunto escuro e o fundo natural. Em contra luz e retrato a **câmera** deverá usar sempre o **Flash**, no modo esporte ela usará velocidades maiores para Congelar o Movimento, no modo Paisagem dará preferência a Diafragmas Menores para conseguir mais nitidez em toda a foto, no modo retrato buscará deixar o Primeiro Plano bem nítido e o Fundo desfocado, no modo Pôr do Sol usará uma **Abertura de Diafragma** menor e velocidade de obturação Lenta e aqui vale uma dica: *Sempre que a câmera estiver demorando para captar a foto demonstra que está usando uma Velocidade de Obturação Lenta, ou seja, a cortina abre e fecha lentamente e se nós não tivermos o Pulso bem firme e fazemos algum movimento com a câmera, nossa foto sairá Tremida*. Como já dissemos antes, não existe a **câmera** perfeita e não é pelo valor da **câmera** que conseguirá melhores fotos. A qualidade da **imagem** quem determina é a Lente, esta sim deve ser de boa qualidade e o **Fotógrafo** tomando cuidados com a configuração e a forma de apertar o Botão do **Obturador**. Leia o Manual de sua **câmera**, pratique todos os modos de cena e analise o resultado de suas **fotos** usando o *Microsoft Office Picture Manager*. Este programa de **visualização de imagens** do Windows, permite que clicando sobre a **imagem** com o botão Direito do Mouse, você possa abrir as Propriedades e nesta Janela onde diz Mais encontrará como é que a sua **câmera** fez a foto:
[![Microsoft Office Picture Manager](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/MOPM-242x300.jpg "Microsoft Office Picture Manager")](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/MOPM.jpg)Microsoft Office Picture Manager
É analisando estas informações que teremos a certeza de quando é que a **câmera** da preferência para o uso da Velocidade Alta ou Baixa e quando é que dá preferência para a Abertura Maior ou Menor. Para auxiliar na compreensão destes dados observe bem a **imagem** onde aparece o **Diafragma** e verá que, as Maiores Aberturas são aquelas representadas por Números Pequenos (f/1.4, f/2.8, f/3,0??.) e as Abeturas Menores são representadas por Números Maiores ( f/9,f/11,f/ 22??). As Velocidades de obturação mais Lentas são representadas por frações 1/5, 1/10, 1/30?. e as Velocidades de Obturação Rápidas pelas frações 1/125, 1/250, 1/500??.Este também chamado como **Tempo de Exposição**. Somente se aprende a **fotografar** Praticando, por tanto, treine muito e leia o manual de sua **câmera** para poder tirar dela o máximo possível.
[![Tradição Gaúcha](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Tradição-Gaúcha-300x201.jpg "Tradição Gaúcha")](https://s3.amazonaws.com/static.elefanteverde.com.br/blog/wp-content/uploads/sites/10/2014/05/Tradição-Gaúcha.jpg)Tradição Gaúcha