COMPROMETIDA


Durante uma cerimônia de casamento, descobri algo sobre mim!

Na hora dos votos de amor e fidelidade eternos, da troca de alianças, a linda noiva perdeu o fôlego, as palavras vieram acompanhadas de tanta emoção que poucos puderam ouvir.

Afinal, a partir daquele momento ela se comprometeu a amar alguém até que a morte os separe! Voltei 18 anos no tempo. No dia em que diante do padre eu também me comprometi. E pensei? Esse é o desafio mais difícil que o ser humano aceita durante uma vida.

A parte boa é que o juramento é feito num dia que estamos muito felizes, em que nos comprometeríamos com tudo! Afinal vestir um vestido de noiva, chega a ser inebriante, caminhar pelo tapete da igreja, sob os olhares de todos é outra sensação indescritível? Quase todas as mulheres em algum momento da vida delas sonharam com isso! E nessa cerimônia descobri que sonhei com isso a vida inteira? Mesmo depois que o meu casamento acabou.

O sonho só mudou um pouco? Já não havia o vestido branco, a igreja cheia, mas estar comprometida com um amor foi algo que eu busquei o tempo todo até pouco tempo atrás!

Fiz ali mesmo na igreja, uma análise dos meus ex-namorados. Homens mais velhos, bem resolvidos profissionalmente, capazes de me ensinar muitas coisas sobre a vida, protetores, sérios, perfeitos para um compromisso.

Foram pouco mais de quinze anos procurando aquilo que eu prometi no altar e não consegui cumprir!

E acredite, eu ainda acredito no casamento, admiro casais que mantém os votos com dignidade e respeito os que aceitam que o prazo de validade venceu?

Porém, estou vivendo outra fase da minha vida! Finalmente estou descomprometida. Não tenho um perfil de homem ideal. Olho para quem eu quiser e não para quem possa ser bom marido no futuro! Posso paquerar alguém que fume, alguém mais jovem, alguém sem trabalho, alguém que não tenha sequer endereço, alguém que eu não saiba de que família é! Posso me encantar por alguém que more do outro lado do mundo. Sem compromisso com o amor, apenas com a felicidade. Quanto tempo essa fase vai durar eu não sei, nem estou preocupada com isso?

Aliás, isso tudo vai passar quando a vontade de ser uma moça comprometida voltar! E quando isso acontecer? a DESCOMPROMETIDA sai de cena, deixando importantes lições!

E VIVA OS NOIVOS!

Bj Mari