Empreender é muito mais do que assumir riscos

Image 2 (1)

Uma das frases mais comuns sobre o ambiente de inovação e trabalho é que ?empreender é assumir riscos?. Vem a nossa mente um foco inicial no risco financeiro, na lida do capital, nos arranjos para fazer acontecer economicamente o projeto que se pretende. Mas o que este texto pretende mostrar é que esse ?gostoso risco? vai além, no trato social, na família, no ciclo de amizades.

Temos uma bagagem patrimonialista e durante muitos anos o serviço público foi o sonho de destino de várias mentes, com toda a sua pompa e poder de corte real. Numa aula recente, um professor nos contou um caso de um seminário do Sebrae, na cidade mineira de Raposos. No encontro, o consultor do órgão perguntou a 100 alunos o que eles gostariam de fazer no futuro. A grande parte disse que gostaria de trabalhar no serviço público, outra turma mencionou arranjar um emprego que pague bem numa companhia local e apenas 6 disseram que gostariam de tocar uma empresa própria. É este o cenário comum. E não é crítica ou demérito a ninguém, é apenas uma constatação. O consultor e meu professor brincaram com estes alunos ?empresários?, dizendo que eles seriam ?responsáveis? pelos outros 94, pois assumiriam riscos de pagar impostos, andar na linha e tocar seus projetos.

Nossa falta de ambiente de criação de negócios e perseguição por projetos individuais fazem com que o empreendedor seja visto como um alienígena, um ser advindo de outro ponto do universo. É preciso assumir riscos reais ao se procurar o empreendedorismo e carregar consigo a ideia de que a pressão da sociedade por um ?emprego formal? será algo constante no seu cotidiano, nas festas de família, nos encontros com amigos de infância.

Dada essa brincadeira, o que podemos desejar aos empreendedores e empreendedoras deste país, seja de que idade for, é que tenham muita força. Acredite nos seus projetos, estude muito, avalie cenários e, principalmente, FAÇA. As sogras, as mães ?tradicionais? as famílias e seus valores de sociedade, os amigos de escritório e muita gente seguirá lhe criticando. Seja forte e faça aquilo que acredita. Vá em frente.