"Exercitando corpo e mente".

PRATICAR ESPORTES COM A MENTE – PENSE NISSO!!!

Todos os dias vemos na televisão, em jornais e revistas que uma vida voltada ao esporte ajuda a manter o nosso corpo em forma, minimizar doenças e a envelhecer de maneira saudável. Porém, no post de hoje, quero abordar esportes que não são voltados, necessariamente, ao nosso corpo e, sim, à nossa mente.

A prática esportiva vai muito além dos esportes cuja ferramenta em ação é o nosso corpo. Para quem não sabe existe até uma Federação Internacional dos Esportes da Mente (IMSA), responsável por modalidades como,  Xadrez Damas,  Pôquer entre outras. Organização filiada da Associação Geral das Federações Esportivas Internacionais.

Bom, para começar, vamos falar daquele esporte que surgiu no sudoeste da Europa, na segunda metade do Século XV, cujo objetivo é “derrubar” o Rei: o Xadrez; um jogo que é exclusivamente de exercício mental.  

O Xadrez ajuda a ativar a concentração, desenvolve a tomada de decisões e, ainda aumenta a autoconfiança. Traduzindo para o mundo contemporâneo, servirá como uma espécie de complemento na nossa maneira de pensar em alternativas, e possíveis respostas para os nossos problemas, mostrando que para toda dificuldade, sempre haverá uma solução, e muitos caminhos para se chegar onde queremos.

Já o jogo de Damas, tem como objetivo capturar as peças adversárias antes que seu adversário conquiste as suas no tabuleiro. A modalidade trabalha a nossa paciência, exige responsabilidade e instiga a imaginação e a versatilidade, já que uma peça mal movimentada pode comprometer o jogo inteiro. Traduzindo para atualidade, fica claro que devemos pensar bem, antes de tomar as nossas decisões, avaliar as hipóteses em questão e, com isso, avançar na ideia que temos em mente.

Então pessoal, vamos conciliar atividades que necessitem tanto do nosso corpo, como da nossa mente e veremos, em um curto espaço de tempo, os seus benefícios, sempre em busca do ápice da saúde física e mental.

Lembre-se: “O cérebro é como um músculo, se usado desenvolve mais, caso contrário, atrofia” (Autor Desconhecido). Espero que tenham gostado! Xeque-mate galera!!!  

Tchau!!!