GOTAS DE DESPREZO

Quem já usou o desprezo sabe o poder que ele tem. Mas como tudo na vida tem uma medida certa para dar um bom resultado. Sempre fui defensora de uma pequena dose desse perigoso sentimento. Adoto o uso desse santo remédio, quando estou a ponto de matar alguém!

Dia desses uma amiga minha, que passava por um momento familiar muito delicado, recebeu um telefonema do namorado com um discurso que deixa qualquer um com vontade de cometer um crime: ??Linda, preciso de um tempo pra mim, quero ficar sozinho.? E assim, terminou tudo com ela!

Claro que ela ficou arrasada. Porém, segurou a peteca e se afastou completamente dele e do telefone também. Não demorou e o bichinho começou o processo de reaproximação. Primeiro um telefonema, que não teve retorno. Depois um e-mail que teve uma resposta com gotinhas de desprezo e pronto veio o pedido: Vamos voltar?

Ela soube dosar o desprezo, mas ele não, o término por telefone foi tão desprezível que a minha amiga não quis o moço de volta.

O texto de hoje é pra gente pensar que os sentimentos devem ser respeitados, sempre. É claro que o mundo infelizmente não está livre de pessoas que merecem nosso absoluto desprezo? Mas só use a dose cavalar para pessoas que você quer tirar da sua vida definitivamente.

Como canceriana sou muito requisitada a dar conselhos? Não é raro receitar as tais gotinhas de desprezo, mas hoje em dia com muito mais cautela, afinal já aprendi que o feitiço pode virar contra o feiticeiro.