Homem cachorro, mulher bandida!

Homem cachorro?

Quem diria não a James Dean?

Nem a mais recatada das mulheres, em sã consciência, recusaria o pedido de um beijo dele!



Mulher Bandida?

E a Marilyn Monroe? Musa depois de décadas, esteve e está na fantasia de todos os homens. Seduziu e amou quem ela quis!

Pensando nos dois exemplos? Dá pra dizer que James Dean é cachorro, ou Marilyn é bandida?

Penso que não, prefiro usar um ditado da minha mãe: ?A oportunidade faz o ladrão!?

Escrevo sobre isso porque dia desses uma amiga do trabalho, deu um murro na mesa e disse bem alto: ?Homem é tudo cachorro?. Como o discurso é comum, demorei para me manifestar. Recorri aos meus pensamentos, para poder participar da conversar, que logo ganhou um volume mais alto na voz de todas as mulheres do espaço.

Respirei fundo e falei: ?Homem é cachorro e mulher é tudo bandida!?

Pronto apertei o botão da bomba atômica. Todas me olharam como quem mira um alvo e o queixo de cada uma estava no peitoral.

Me expliquei:

Meninas,  sedução e conquista é uma questão de oportunidade. Os tempos mudaram, hoje as mulheres se declaram, provocam, assediam, tanto quanto os homens e se tiverem a oportunidade vão beijar na boca sim. Então por favor, parem de hipocrisia.

A discussão aqui não é se o fato de beijar dois ou cinco numa noite é correto. Cada cabeça uma sentença, só gostaria de pedir uma coisa, chega de RÓTULOS! Marilyn já havia gritado isso para o mundo nos anos 60, com o filme ?Nunca fui santa?.

Chega de bancar a vítima dos cachorrões. Tem muito menino bom na mão de bandida. E em contrapartida tem muita moça pra casar de mão dadas com um baita cachorro. É a vida!

Bj

Mari