Mamãe querida!! Meu coração por ti bate...

Todo ano você deixa o presente do Dia das Mães para última hora, a reserva do restaurante para última hora e vocês acabam celebrando o Dia da sua mãe em frente à TV vendo Domingão do Faustão.

mãe-negra-1
Pois é, caro leitor do blog do Elefante Verde Vila Velha, nós somos como vocês. Todo ano prometemos transformar o Dia das Mães “no dia” da nossa querida mãezinha, mas acabamos desesperados na floricultura da esquina atrás de qualquer flor para tentar abafar nosso relaxo. E temos algo perturbador que gostaríamos de compartilhar, filhos desnaturados: as nossas mães sabem que essa flor foi comprada de última hora no Seu Zé florista por sete vezes mais o preço real, mesmo estando despetalada e meio murcha.

Ela sabe! Ela sabe!

Mas o mais incrível é que mesmo diante da consciência de que você é um enrolado, sem criatividade e planejamento, ela abre o sorriso mais sincero quando recebe a tristonha rosinha de última hora. Seus olhinhos se iluminam e você sente o calor aconchegante do amor dela por você. É ou não é gente!? Pois é, mãe é a coisa mais gostosa que tem nessa vida. Apoia a gente em tudo, desde a construir uma estação espacial no quintal até virar publicitário. Participa das nossas vidas com as opiniões mais sinceras e esclarecedoras acerca de nós mesmos. Nos conhecem bem, a ponto de sacar no olhar de cachorro perdido que você está tentando disfarçar, que você está se sentindo perdido na vida. Te acalenta mesmo quando você corre o mundo por meses ou anos e esquece de dar notícias. Amor de mãe é amor de vigília. É amor sem fim, é um amor de cuidados e celebrações para mim, quase inexplicáveis. É amor que não cobra para existir. Amor de mãe é assim, coisa preciosa que a gente tem que guardar bem guardadinho no porta jóias mais bem protegido do mundo. Mas não me venham com porta jóia revestido de macarrão, pintado de dourado pela tia Lucélia da 2ª série.

Falando nesse clássico presente de Dia das Mães e para não nos deixar ainda mais emotivos, listamos os três piores presentes de Dia das Mães de todos os tempos:

1) Porta jóias de macarrão, porta retrato de macarrão, quadro de macarrão, qualquer coisa revestida de macarrão. Pintado é claro de tinta spray dourada pela tia da escolinha, que deixa o seu por último e ele fica meio mal feito porque ela já está exausta de tanto pintar macarrão;

2) Liquidificador, batedeira, sofá, móveis de cozinha, panela, aspirador de pó, máquina de lavar, geladeira, fogão ou qualquer outra coisa para a casa.

3) Cesta de café da manhã patrocinada pelo paizão com pão de ontem, café frio, cesta de fruta roubada da cozinha por falta de opção, geléia em miniatura da última viagem de família (e que seu pai roubou sob a justificativa de que “vai que a gente precisa” – homem prevenido), fruta qualquer e uma rosa arrancada no jardim do prédio.

Bônus

Porta jóias de macarrão - NUNCA!* Porta jóias de macarrão – NUNCA!*

Selecionamos também alguns cupons que tem tudo a ver com o Dia das Mães:

Esse post é dedicado à querida Rosangela, minha mãe queridona, das pessoas mais gentis e adoráveis que já conheci nesse mundão.
carol

Carolina Goulart é publicitária e assistente de Marketing do Elefante Verde Vila Velha. É jovem, estuda Direito, gosta de cerveja, de viajar e se sente uma pessoa sortuda por ter a dona Rose como mamãe.