O que fazer no dia dos namorados?

Junho, o mês mais romântico do ano!

alt

Nós do Elefante Verde sempre trazemos para você um conteúdo repleto de novidades.

O tempo vai ficando mais friozinho e, por isso, convidativo para noites regadas à vinho, sopas e caldos, fondue, chocolate quente, conversas, beijos e abraços. Humm!

E esse clima é perfeito para compartilhar bons momentos com as pessoas especiais da nossa vida!

Prepare-se para conhecer um pouco mais sobre o Dia dos Namorados no Brasil e em outros países e fique sabendo a origem da celebração da data.

Valentine’s Day - 14 de fevereiro no mundo

Conta a história, que o imperador da Roma antiga, Claudio II, proibiu a realização de casamentos, acreditando que jovens sem família se alistariam mais facilmente, e assim, ele poderia formar um grande exército.

Apesar da proibição, um bispo continuou secretamente a celebrar os casamentos e quando a prática foi descoberta, o bispo foi preso e condenado a morte.

Enquanto estava preso, Valentim recebia bilhetes e flores de outros jovens dizendo que acreditavam no amor.

Entre essas pessoas, uma jovem cega – Artérias – filha do carcereiro, conseguiu permissão do pai para visitar são Valentim, eles acabaram se apaixonando e ela milagrosamente recuperou a visão.

No dia de sua execução, 14 de fevereiro de 270, Valentim escreveu uma carta para a amada com a assinatura: “de seu Valentim”, expressão e datas utilizadas até hoje.

Dia dos Namorados - 12 de junho no Brasil

Por esses lados, a data coincide com a véspera do dia de Santo Antônio, considerado o santo casamenteiro, mas o real motivo não é tão romântico ou religioso e sim estratégico e comercial.

Em 1948, o publicitário João Doria, pai do atual prefeito de São Paulo, estabeleceu a data comemorativa com o objetivo de melhorar as vendas.

Por ser um mês de desaquecimento das vendas, junho foi a escolha conveniente e dia 12 por ser a véspera do santo casamenteiro.

Dois slogans marcaram a primeira campanha que foi eleita a melhor do ano naquela época, pela Associação Paulista de Propaganda.

Eram eles: “Não é só com beijos que se prova o amor!” e “Não se esqueçam: amor com amor se paga”.

Quer surpreender a pessoa amada? Confira algumas sugestões!

Você conhece bem o seu amor? Então sabe que aquele mimo certamente vai agradar. Por isso, lembre-se, que o mais importante é a intenção de suas ações.

Não importa qual seja o presente, ele ganha um valor maior do que qualquer outra coisa: o valor sentimental.

Não importa se você vai comprar, fazer ou preparar, coloque um toque final que seja especial para o casal.

Pra dar uma mãozinha, aqui vão algumas dicas para diferentes estilos de casais:

Esportistas: boné, tênis, mochila, squeeze, um objeto personalizado (como a assinatura do ídolo).

Gourmets: cestas de café da manhã, de queijos e vinhos, chocolates, jantares em restaurantes badalados ou preferidos (não esqueça de fazer a reserva antecipadamente).

Românticos: caixa com fotos, porta-retratos, imãs em formato de coração, cartões, almofadas, canecas personalizadas.

Noite temática: pode ser em casa assistindo aos filmes e séries preferidos de um dos dois, pipoca e guloseimas em baixo do cobertor ou um jantar com as bebidas e comidas mais apreciadas (italiana, japonesa, tailandesa) e por que não preparado pelos dois?

Ousados: Um piquenique, um passeio de balão, um voo de helicóptero ou uma viagem curta.

O importante é ser você mesmo e como comemorar com quem te ama!

Em breve novas datas, historias e curiosidades!

Gostou do post? Compartilhe e curta nossa página no facebook, clique aqui.