#omelhordeMogi – Uma experiência na hambúrgueria Pit's Burger

Para quem pediu, o Elefante Verde resolveu atender! O Pit’s Burger está aqui.

Depois que postamos esse texto sobre Tops hambúrguerias de Mogi das Cruzes, tivemos uma deliciosa repercussão e com isso, resolvemos criar uma sessão voltada inteiramente para você, usuário que gosta ou que quer descobrir lugares novos ou diferentes na sua própria região, aqueles que por falta de tempo ou oportunidade você ainda não conheceu. Para isso, criamos a sessão #omelhordeMogi que vai levar você para conhecer o melhor que Mogi tem! Fiquem atentos porque vem mais novidades e mais do melhor de Mogi por aí.

Por conta disso, o Elefante Verde resolveu levar sua colaboradora Jéssica Lima, que trabalha no time de Sucesso do Franqueado, para uma deliciosa experiência no Pit’s Burger (hambúrgueria mais pedida no post anterior) para contar com mais intensidade sobre o local. Afinal de contas, nada melhor do que alguém que gosta de comer para dar sua opinião verdadeira e compartilhar com centenas de mogianos que já adoram e aqueles que ainda querem conhecer o Pit’s.

A ideia foi levar a Jéssica para o novo Pit’s (que está de casa nova há cerca de 1 ano) para conhecer, bater um papo com o Felipe Sato (dono do espaço) e trazer novidades quentinhas para todos vocês junto com #omelhordemogi. Segue abaixo o depoimento da Jéssica:

“Eu nunca tinha ido até o Pit’s, mesmo morando em Mogi das Cruzes desde sempre e ouvindo só elogios eu (por motivos desconhecidos) ainda não conhecia e vi a oportunidade perfeita com o barulho que o pessoal fez no Facebook. Nós pensamos – 'Se todo mundo está pedindo, precisamos falar com propriedade!' e então me ofereci para esse sacrifício...rs”

E que sacrifício! A Jéssica chegou contando da sua experiência com o lanche e também entusiasmada com a história do Felipe Sato.

“Eu sou um clichê ambulante e para mim, a primeira impressão é a que fica. Já fiquei feliz quando vi o cardápio, onde eu escolhia o ponto que queria meu hambúrguer – ainda não conhecia em Mogi um lugar onde fizessem a carne exatamente como eu queria, o ‘Ao Ponto’ é perfeito e isso já fez o Pit’s ganhar pontos comigo.

Depois notei a atenção e receptividade dos funcionários e Felipe, que me atendeu e contou a história dele e da casa, bingo! Mais encantada ainda.

O Felipe é super novo, gente como a gente que começou com um sonho, batalhando sozinho para alavancar a hambúrgueria que construiu há 3 anos atrás, ele me contou que no início era ele que fazia tudo sozinho (tudo mesmo: atendia balcão, anotava pedido, fazia o lanche, servia e cobrava), já me impressionei porque não consigo nem usar mais que uma boca do fogão por vez...

Bom, minha experiência vai além, começando pelo cardápio:

O hambúrguer além de feito à mão, você escolhe o ponto que prefere. Confesso que não domino o ponto da carne, mas quando meu hambúrguer chegou ‘sasenhora!’ nunca tinha comido nada tão saboroso. Minha escolha foi o ‘Ranch’ que vem pão (um diferencial também, já que o pão é feito por eles mesmos e é uma massa diferente, lembra muito um brioche), o hambúrguer que no meu caso foi ao ponto (com a carne por fora completamente frita/marrom e vermelha apenas no meinho), queijo muçarela, agrião, cebola rocha, bacon e molho ranch. Uma delícia que eu recomendo.

Meu namorado, mais ‘ver para crer’ pediu o lanche com o nome da casa, o Pit’s com pão, hambúrguer, queijo muçarela, onion rings, bacon, janapeño e molho barbecue. O hambúrguer dele foi mal passado (que é com a parte de fora frita, com a parte de dentro vermelha e o centro praticamente cru). Aprovado!

Mas como boa apreciadora de novidades, resolvi pedir ainda uma entradinha diferente: porção de fritas para abrir o apetite, mas de batata doce com uma maionese verde e um toque de pimenta que foi mais uma surpresa da noite. Vale a pena conhecer e desmistificar que a batata doce é só pra quem faz dieta, uma opção para entrar na sua pedida ;)

Pra complementar fui atendida super rápido e meu hambúrguer veio quentinho e bem montado. Me rendi ao Pit’s."

É...pelo visto a Jéssica gostou mesmo. Mas e você? O que achou do Pit’s? O que achou do Manga Rosa, do Chicos, do Spock. Ou então, o que você gostaria de conhecer um pouco melhor? Essa é a sessão feita para você, para que você conheça só #omelhordemogi e sua opinião também pode aparecer aqui, seja na página da empresa (com você deixando sua opinião lá) ou escrevendo pra gente!