Pele lisinha e sem pelos. Quem não quer?

Seja por estética, seja por higiene, a verdade é que muitos homens e mulheres não gostam de ter pelos no corpo.
Desde a tradicional lâmina, passando pelas ceras quentes e frias, cremes depilatórios até o laser, temos muitos métodos para eliminar os pelos indesejáveis.
O grande diferencial do laser está na duração e resultados. Já na primeira sessão, boa parte dos pelos são eliminados. O número de sessões é variável de pessoa para pessoa, da região a ser tratada e da cor do pelo, mas em média são necessárias seis sessões, segundo a Sociedade de Brasileira de Laser,para um resultado duradouro.

Como a depilação a laser funciona?

O laser elimina o pelo porque a sua energia, em forma de luz, é atraída e captada pela melanina, pigmento presente na haste do fio e responsável pela sua coloração. Essa energia térmica destrói ou retarda a capacidade de o folículo produzir um novo fio. Os pelos que não são eliminados na hora crescem lentamente, mais claros e finos.Quanto mais escuro o pelo, melhor ou resultado com o laser.

Quais são os riscos?

O maior risco é a absorção da luz pelos olhos, portanto o uso de óculos protetores é obrigatório.
Se a intensidade do aparelho não for bem calculada podem ocorrer queimaduras, formação de bolhas ou o escurecimento temporário da região tratada.
Os efeitos colaterais com o aparelho adequado são bastante raros. O risco existe quando o procedimento é realizado por um profissional pouco habilitado ou o laser utilizado não é apropriado à pele brasileira (geralmente mais morena). Portanto para quem está interessado em fazer o tratamento é sempre recomendável procurar um profissional com experiência com laser.

Como fica a pele após a primeira sessão?

O local fica quente e vermelho, o incômodo pode durar algumas horas e, posteriormente, algumas áreas, podem escurecer um pouco e formar crosta fina, que desaparecem em alguns dias.

Quais as preparações necessárias para o tratamento?

As áreas a serem tratadas devem ser protegidas por filtro solar algumas semanas antes e após a exposição ao laser pois os resultados são melhores na pele não bronzeada, mas o tratamento pode ser realizado com segurança na pele negra e bronzeada.

Quem tem pouco pelo, pode eliminar tudo em uma única sessão?

Não. O pelo só é destruído durante a fase de crescimento. Mesmo em uma área com poucos fios, parte estará crescendo, parte em repouso.

É necessário deixar os pelos crescerem muito antes do tratamento?

Não. Ao contrário da eletrólise não há necessidade dos pelos estarem longos, mas os mesmos devem estar presentes dentro do folículo para absorver a luz do laser. Portanto, para melhores resultados, é aconselhável não arrancar os mesmos. O uso de tesouras, giletes ou cremes depilatórios que dissolvem os pelos não diminuem a eficácia do tratamento.

Quais as áreas que podem ser tratadas?

Todas, porém as regiões muito próximas aos olhos como sobrancelhas não são muito recomendáveis, pelo risco de lesão ocular pela luz do laser.

É possível apenas enfraquecer os pelos?

Sim. É muito comum os homens que tem muita barba e precisam mantê-la bem aparada diariamente, realizarem apenas algumas poucas sessões com baixa energia para eliminar os pelos encravados e diminuir a velocidade de crescimento dos mesmos.

O tratamento é dolorido?

Normalmente o tratamento é bem tolerado, mas em alguns casos é necessário o uso de cremes anestésicos.

Agora que você já sabe mais sobre a depilação a laser, corre no Guia do Elefante Verde, pegue seu cupom de desconto e agende seu horário na Josi Estética Facial e Corporal. É por tempo LIMITADO!

fontes: http://elefanteverde.com.br/josi-estetica-facial-e-corporal - www.sitemedico.com.br - mdemulher.com.br