Tablets: você realmente precisa de um?

Desde que a Apple introduziu o iPad no mercado, um novo tipo de computação pessoal  tem se popularizado nos últimos anos: os tablets. Com o boom das tecnologias móveis e o avanço das linguagens de design voltadas para facilitar o engajamento do consumidor com os aparelhos, os tablets tem se tornado cada dia mais eficientes e essenciais à medida que vão sendo cada vez mais os substitutos dos laptops no cotidiano de muitas pessoas. E ao contrário do que alguns predizem por aí, eles vieram pra ficar.

Mas deixando a “onda” de lado, vamos focar num ponto que toda pessoa que pensa em comprar um tablet deveria ter se perguntado: será que realmente precisamos de um tablet? Depende do tipo de usuário que você é. No fim, é o consumidor quem decide se um aparelho lhe é útil ou não. Mas com essas dicas é possível ficar mais informado sobre a tecnologia dos tablets e sua utilidade no dia-a-dia.

tablet

Inicialmente vistos como uma espécie de smartphone gigante, os tablets provaram serem mais do que isso. Sua principal vantagem consiste nas telas grandes, é verdade. Mas as telas grandes facilitam determinadas tarefas e o hardware geralmente superior aos dos smartphones permitem diversas formas de entretenimento como filmes e games, podendo inclusive editar seus próprios filmes facilmente usando a tela do tablet, o que é um tanto difícil de se fazer nas telas pequenas dos smartphones. Evidentemente que um laptop ou num PC de mesa é mais produtivo para profissionais neste caso, mas mesmo os profissionais de multimídia podem se beneficiar com a rapidez das interfaces touch para “quebrar alguns galhos” naqueles momentos em que não há um bom computador disponível. Outra utilidade é na administração ou finanças, onde é possível por exemplo, acompanhar e gerenciar em tempo real as ações na bolsa de valores sem se preocupar com alguma chamada telefônica interromper a análise dos dados. Designers e artistas podem utilizar um tablet para mostrar seus portfolios criativos e tê-los sempre acessíveis, bem como podem fazer seus desenhos inteiramente nos tablets de maneira fácil e rápida através de centenas de aplicativos que oferecem ferramentas variadas para a execução do trabalho.

galaxy note on my lap drawon

Além da utilidade profissional em diversas áreas, os tablets tem um enorme potencial na educação. Os estudantes podem ter nos tablets um vasto arsenal disponível para acesso a qualquer instante, sejam aplicativos de calculadora, mapas geográficos, atlas de referência do corpo humano em 3D, jogos educativos, bibliotecas inteiras de livros digitais disponíveis para leitura otimizada em telas grandes, enfim, aqui as possibilidades são infinitas.

Então, respondendo à pergunta: precisamos realmente desta tecnologia? Como foi dito anteriormente, depende do perfil de cada um. Se você for um estudante, o tablet se bem utilizado pode lhe trazer inúmeros benefícios, além da portabilidade dos materiais de estudo. Se você é um empresário ou profissional, o aparelho pode lhe poupar bastante tempo e aumentar sua produtividade. E mesmo que você não tenha um trabalho ou estudo, ele ainda pode lhe ser útil na cozinha para consultar deliciosas receitas que não poderiam ser vistas de maneira adequada em telas pequenas.

woman-digital-tablet-home-horizNo final, o tablet é um aparelho com centenas de tecnologias agregadas que pode ser útil em qualquer lugar com qualquer tipo de pessoa. Seja a vovó que o utiliza para fazer aquelas receitas deliciosas, seja o empresário que o utiliza para acompanhar as ações da bolsa, seja o cinéfilo que deseja assistir seus filmes em qualquer lugar… o tablet pode ser mais útil do que você imagina, basta dar-lhe uma chance.